Número total de visualizações de página

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Tango

Gosto de tango
E de o dançar,
Especialmente contigo.
Sinto-te em cada nota,
E entrego-me
Com desejo
E sem pejo.
A cada acorde,
São os nosso corpos
Que se fundem,
A respiração que acelera.
A minha perna envolve a tua
Para depois a largar
E voltar a prender.
Suspensos ambos,
De mais um requebro
De um ir e vir
Que afinal nos envolve
Para de dois,
Fazer um.
Que se move
Que se entrega
Que se dá
Ao sabor do tango
Que nos une.

Helena